Materiais Sustentáveis – Parte I: Paredes

Vamos falar de materiais sustentáveis? Se você está pensando em construir ou reformar, pode escolher opções eco-friendly para sua obra.

 

Paredes feitas de Materiais Sustentáveis:

Há alternativas sustentáveis para diversos elementos: paredes, coberturas, acabamentos, isolamento, revestimento, etc. No post de hoje, abordaremos materiais para paredes: tijolos de solo cimento, de materiais recicláveis e paredes de taipa de pilão.

 

1. Tijolos de solo cimento:

São tijolos feitos com uma mistura de solo, água e cimento. Os solos areia-argilosos, com teor de 50% a 70% de areia são os mais indicados. Quanto mais argiloso o solo for, mais cimento é necessário para a estabilização do bloco.

A grande diferença entre os tijolos convencionais e os de solo cimento é o que esses últimos não vão ao forno, são curados a sombra, tornando-se mais sustentáveis.

 

Os modelos da Geobrick possuem dois furos que permitem o fácil encaixe e passagem das infra-estruturas. Isso reduz o tempo de construção e de desperdício, pois não há recorte para a passagem das instalações. Segundo o fabricante, estas vantagens geram uma economia de 30% no valor da obra. Além disso, o resultado estético é muito parecido com os tijolos convencionais. (Fonte: Geobrick).
Os modelos da Geobrick possuem dois furos que permitem o fácil encaixe e passagem das infraestruturas. Isso diminui o tempo de construção e reduz o desperdício, pois não há recorte para a passagem das instalações. Segundo o fabricante, estas vantagens geram uma economia de 30% no valor da obra. Além disso, o resultado estético é muito parecido com os tijolos convencionais. (Fonte: Geobrick).

Um bom exemplo de uma construção com esse tipo de tijolos é a residência Shirasu, projetada por Aray Architecture. Ela possui dois pavimentos e fica em Kagoshuma, no Japão. Tanto as paredes externas quanto internas foram feitas com tijolos à vista de solo vulcânico, abundante na região. O mais interessante é a textura que este tipo de solo concedeu aos tijolos, como podemos observar nas imagens a seguir.

 

Materiais sustentáveis solo cimento
Casa Shirasu feita com tijolos de solo-cimento. (Fonte: Dezeen).

2. Tijolos reciclados:

Tijolos reciclados são feitos dos mais diversos materiais: entulho da construção civil, plásticos, vidros, cinzas de biomassa, papel, entre outros. Além de reduzir a energia envolvida na sua manufatura, destinar materiais que seriam descartados para novos usos alivia a demanda por aterros.

Tem-se ainda vantagens econômicas e sociais. Por exemplo, segundo uma entrevista do Portal G1, tijolos reciclados estão sendo produzidos no Sul do Brasil a um baixo custo e utilizados na construção de habitações populares.

 

Tijolos reciclados fabricados em Lages, SC. (Fonte: Portal G1).
Tijolos reciclados fabricados em Lages, SC. (Fonte: Portal G1).
Materiais Sustentáveis tijolo reciclado
Protótipo de uma residência de 52 m2, na cidade de Sapucaia do Sul, região metropolitana de Porto Alegre. Os tijolos utilizados são provenientes da reciclagem de resíduos da construção civil. (Fonte: Massa Cinzenta).
Materiais sustentaveis blocos de plastico reciclado
Mais um exemplo de tijolos reciclados, desta vez, provenientes do plástico. Na Colômbia, a empresa Conceptos Plásticos produz blocos encaixáveis de plástico reciclado para construção de habitação populares. (Fonte: Inhabitat).

3. Taipa de pilão:

Taipa de pilão é uma técnica que consiste em compactar camadas de argila, moldadas em fôrmas de madeira. É um sistema rudimentar, muito utilizado no período colonial. Atualmente, com a ajuda de máquinas pneumáticas, esse modo construtivo foi modernizado.

 

materiais sustentaveis taipa
Execução de uma parede de taipa, feita pela empresa Taipal. (Fonte: Taipal).

Há diversos projetos que utilizam taipa de pilão em suas paredes. Escolhemos como exemplo a Residência Torcasso, projetada por Page, em Santa Fé, Novo México. No centro da casa, os arquitetos criaram dois volumes feitos com este método. As paredes possuem camadas de diferentes solos, criando uma alusão a uma rocha sedimentar, com quatro tonalidades distintas.

 

As paredes de camadas de diferentes solos criam uma textura inusitada nos ambientes da Residência Torcasso. (Fonte: Home Dsgn).
As paredes de diferentes solos criam uma textura inusitada nos ambientes da Residência Torcasso. (Fonte: Home Dsgn).

Ficaram com vontade de saber mais tipos de materiais sustentáveis? Estes três aqui abordados são apenas exemplos de alternativas que podemos utilizar para substituir a alvenaria convencional. Num próximo post, vamos falar sobre materiais sustentáveis para revestimento. Aguardem!

 

Fontes:

DezeenFixGeoBrickHome DsgnInhabitatMassa CinzentaPortal G1Taipal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *